Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

7 Dias Nutridos de Sabores

Sou uma apaixonada pelo mundo da cozinha e tenho o gosto de partilhar as minhas receitas favoritas. Considero este blog como o meu encantador livro de receitas. Receitas ricas de aromas e sabores memoráveis.

7 Dias Nutridos de Sabores

21
Jun24

Belo Encanto com Porto: Bolo de Ameixa seca e Vinho do Porto

Na minha rotina, tanto me imaginei a comer um bolo com a riqueza de sabor celestial que, neste luminoso dia do Sol, preparei este bolo divinamente saboroso para acabar com minha tortura graciosa.

O bolo é bastante fofo, húmido e leve para comermos na hora do lanche, mas tem a devida intensidade para servirmos como sobremesa.

Experimentem a excelência sensorial que encanta!

IMG_4568.jpeg

 

IMG_4574.jpeg


Bolo de Ameixa seca e Vinho do Porto

  • 100 g de manteiga com sal
  • 195 g de açúcar mascavado claro 
  • 4 ovos
  • 225 ml de leite meio-gordo
  • (15 ml) 1 colher de sopa de sumo de limão
  • 50 ml de vinho do Porto
  • Raspa de 1/2 limão grande ou de 1 médio 
  • 75 g de ameixas pretas secas (sem caroço)
  • 300 g de farinha de trigo com fermento
  • 25 g de amido de milho
  • 1 colher de chá de fermento em pó 
  • 1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio 

Cobertura:

  • 100 ml de leite
  • 140 g de chocolate meio amargo
  • (10 g) 1 colher de sopa de manteiga
  • 45 g miolo de noz, picado

 

Preparação:

  1. Triture muito bem as ameixas com o leite e o sumo de limão. Reserve.
  2. Com uma batedeira, bata a manteiga amolecida com o açúcar. Acrescente os ovos, um a um, e bata bem. Acrescente a mistura de ameixa, o vinho do Porto e a raspa de limão.
  3. Por fim, envolva a farinha peneirada e misturada com o amido, o fermento e o bicarbonato. Verta a massa numa forma untada com manteiga e enfarinhada.

    IMG_4566.jpeg

  4. Leve ao forno pré-aquecido a 170 ° C por 35 a 40 minutos. Faça o teste com um palito.
  5. Retire o bolo do forno e deixe arrefecer 10 minutos antes de desenformar.

    IMG_4567.jpeg

  6. Prepare a cobertura: num tacho pequeno ferva o leite; adicione o chocolate picado e mexa bem até derreter; acrescente a manteiga e torne a mexer bem; transfira para uma taça e deixe arrefecer. (Use o creme frio para cobrir o bolo.)
  7. Quando o bolo estiver frio, cubra-o com o creme de chocolate e termine decorando com as nozes picadas.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Se a ameixa que usar estiver muito seca vai ser mais difícil de triturar. Por isso, a minha sugestão, é que deixe a ameixa de molho em leite morno por 30 minutos ou então em leite frio por 1 hora.
  • Utilize o leite que está na receita para demolhar a ameixa e, claro, use depois o restante na massa do bolo.
05
Mai24

Para a minha MÃE: Bolo com Damascos (secos)!

Uma beleza que sai à minha Mãe, é claro, só pode ser um Doce!

Há momentos que requerem um bolo rico e luxuoso. Hoje, "Dia da Mãe", definitivamente não serve qualquer coisa, portanto preparei esta maravilhosa surpresa, com damascos nucleares e o charme natural na decoração do bolo!

Escolhi o damasco como protagonista, pela sua versatilidade gastronómica, pois além de saboroso e carnudo é uma fruta neutra que harmoniza bem com diversos ingredientes como, o vinho do Porto, o chocolate e as nozes. 

A dupla, Damasco - "Porto", articula-se de forma empática desde o início, criando um momento de conhecimento profundo, cujo resultado é um bolo frutado e bem  humedecido.

Neste dia mimei a Mãe com um raminho de flores campestres e encantei com este delicioso Bolo com Damascos (secos)! Tudo planeado com amor, para fazê-la sentir-se tal como ela é... especial!

IMG_4359.jpeg

 

IMG_4353.jpeg


Bolo com Damascos (secos)

  • 210 g de damascos secos (descaroçados)
  • Água fervente q.b
  • 4 ovos 
  • 225 g de açúcar amarelo
  • 300 g de iogurte sólido natural (*)
  • (30 ml) 2 colheres de sopa de vinho do Porto Vintage
  • 75 g de manteiga com sal
  • 300 g de farinha de trigo para bolos com fermento T55
  • 40 g de amido de milho
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio 

Cobertura:

  • 130 g de chocolate semi-amargo
  • 40 ml de natas líquidas

Decoração:

  • damascos secos
  • miolo de noz, picado grosseiramente
  • ervas aromáticas, frescas
  • flores naturais 


Preparação:

  1. Unte uma forma com manteiga e polvilhe com farinha.
  2. Pique finamente 60 g de damascos e reserve.
  3. Corte 150 g de damascos ao meio, no sentido do longitudinal, separando as metades e coloque numa tigela. Despeje água fervente sobre os damascos, até os cobrir, e deixe-os a demolhar por cerca de 15 minutos, para que amoleçam. De seguida, escorra-os bem e reserve.
  4. Bata as claras em castelo com duas colheres de açúcar amarelo.
  5. Numa tigela, junte as gemas com o restante açúcar e bata, com uma batedeira, até obter uma massa cremosa. Adicione o iogurte e o vinho do Porto e depois a manteiga derretida. Junte os damascos picadinhos e mexa.
  6. Misture a farinha de trigo peneirada (2 vezes), o amido e o bicarbonato, somente até verificar que a massa está uniforme. Por fim, envolva as claras em castelo em duas fases.
  7. Coloque metade da massa no fundo da forma, de seguida, as metades de damascos e termine com uma camada de massa. 

    IMG_4350.jpeg

    IMG_4349.jpeg

  8. Leve ao forno pré-aquecido a 180 ºC por cerca de 45 minutos ou até que ao espetar um palito no centro do bolo este saia seco.
  9. Retire do forno, deixe arrefecer e desenforme.

    IMG_4348.jpeg

  10. Prepare a cobertura: derreta o chocolate, em banho-maria ou no microondas, juntamente com as natas e mexa até obter uma mistura uniforme.
  11. Quando o bolo estiver completamente frio, cubra com o creme de chocolate, decore com os damascos, as folhas verdes, as flores e as nozes . 

Bom apetite!

Dicas:
(*) Usei o iogurte skyr, mas pode usar iogurte grego.

27
Fev24

Bolo de Batata doce e Cenoura perfumado

A receita deste bolo fazia parte do meu top 10 para publicação há já algum tempo e como tinha batatas doces laranjas em casa, foi desta.

Ao desenvolver esta receita, tive o cuidado de experimentar diferentes ingredientes e ajustar as suas quantidades para obter a textura e o sabor perfeitos. O primeiro ingrediente que realço é o amido de milho que torna a massa do bolo mais macia e em segundo lugar, o iogurte que aumenta a sua suavidade.

A batata doce e a cenoura não só concedem um sabor delicioso ao bolo como, também, garantem que não fica seco. Além de que, é uma magnífica forma de acrescentar alguns tubérculos à dieta!

Esta é uma receita que vai demorar um pouco a confecionar, pois primeiro é necessário cozer a batata doce e a cenoura para preparar o puré, o que não dá muito trabalho e indubitavelmente não é difícil, mas deve-se ter em consideração no tempo de preparação.

O resultado final, é um bolo maravilhosamente húmido e super macio/cremoso, tendo como "cereja no topo do bolo" uma massa com um sabor profundo, visto ser perfumada com especiarias e vinho do Porto.

IMG_3770.jpeg

 

IMG_3776.jpeg


Bolo de Batata doce e Cenoura perfumado

  • 200 g de batata doce laranja (descascada)
  • 200 g de cenoura (descascada)
  • 3 ovos grandes 
  • 200 g de iogurte sólido natural 
  • 40 g de manteiga com sal
  • 260 g de açúcar amarelo
  • (30 ml) 2 colheres de sopa de vinho do Porto
  • 360 g de farinha de trigo para bolos com fermento
  • (8 g) 1 colher de sopa de amido de milho
  • (3 g) 1 1/2 colheres de chá de canela em pó
  • (1 g) 1/2 colher de chá de gengibre em pó 
  • (4 g) 1 colher de chá de bicarbonato de sódio

Cobertura:

  • 150 g de leite condensado cozido
  • 30 g de chocolate branco  
  • raspa de 1/2 laranja
  • 50 g de amêndoa palitada torrada

 

Preparação:

  1. Coza a batata doce e a cenoura, aos pedaços, num pouco de água. Escorra bem e deixe arrefecer. Depois, triture com a varinha mágica até obter um puré homogéneo. 
  2. Pré-aqueça o forno a 180 °C. Unte uma forma com manteiga e polvilhe com farinha.
  3. Numa tigela, junte o puré, o iogurte, os ovos, a manteiga (derretida), o açúcar e o vinho do Porto e bata, com uma batedeira, até incorporar bem todos os ingredientes.
  4. Noutra tigela, misture as farinhas com as especiarias e o bicarbonato de sódio (peneirados). Acrescente nos líquidos e misture, na velocidade mais baixa da batedeira, somente até obter uma massa uniforme. (Certifique-se que não bate demasiado a massa, caso contrário o bolo ficará denso).
  5. Verta a massa na forma e leve ao forno a cozer por cerca de 50 minutos ou até que ao inserir um palito no centro do bolo este saia seco.
  6. Deixe o bolo arrefecer e depois desenforme.
  7. Prepare o creme: derreta o chocolate branco, em banho-maria ou no microondas, e misture com o leite condensado e a raspa da laranja, até obter uma mistura uniforme.
  8. Quando o bolo estiver completamente frio, cubra com o creme e distribua a amêndoa. 

Bom apetite!

05
Jan24

Para o Dia de Reis - Escangalhado de Batata-doce!

Para receber, em bom, os 3 Reis Magos, um bolo-rei com uma apresentação diferente, de massa elegantemente espirituosa, recheada com maçã e frutos secos!

IMG_3328.jpeg

Na terceira ronda, o "Rei" aparece na festa ... desmontado!💥

IMG_3310.jpeg


Escangalhado de Batata-doce

  • 200g de Batata-doce branca (descascada)
  • 400g de Maçã Reineta (descascada e descaroçada)
  • 70ml de Leite 
  • 30ml de Vinho do Porto
  • 10ml de Licor de Anis 
  • 10ml de Aguardente
  • 50g de Manteiga com Sal
  • 7g de Fermento de Padeiro seco
  • 1 Ovo M
  • 100g + 2 Colheres de Sopa de Açúcar amarelo 
  • Raspa de 1 Limão
  • Raspa de 1 Laranja
  • 450g de Farinha de trigo
  • 2 Colheres de Chá de Canela em pó 
  • 120g de Frutos secos, cortados grosseiramente (nozes, amêndoas, avelãs, pinhões, amendoins, ...)
  • 60 g de Sultanas
  • Decoração: Amêndoa palitada q.b; 1 Gema de ovo (pincelar); Geleia q.b; Canela em pó; Açúcar em pó q.b


Preparação:

  1. Coza a batata-doce, cortada em rodelas, em água com uma pitada de sal. Depois, escorra bem e deixe arrefecer completamente.
  2. Coloque num copo, a batata-doce, a manteiga (amolecida), o leite (morno), o vinho do Porto, o licor de anis, a aguardente, e triture bem com a varinha mágica. Transfira para a tigela da batedeira ou para o robot de cozinha e adicione o fermento, o ovo (à temperatura ambiente), 100g de açúcar, a raspa do limão e da laranja, 1 colher de chá de canela e a farinha. Amasse muito bem, em velocidade média, usando o gancho de massa, até formar uma massa lisa que se desprende das laterais da tigela. Este processo pode demorar 10 a 20 minutos dependendo da batedeira, da farinha e até da humidade do ar, por isso seja paciente. O resultado será uma massa solta.
  3. Forme uma bola com a massa, coloque numa tigela e tape com película aderente. Deixe a levedar 1 a 2 horas, até que duplique de tamanho.
  4. Entretanto, coloque a cozer, com um pouquinho de água, as maçãs descascadas, descaroçadas, e cortadas aos pedaços. Depois, escorra e deixe arrefecer. Triture com a varinha mágica até obter um puré e misture bem 2 colheres de sopa de açúcar e 1 colher de chá de canela. Reserve.
  5. Depois de a massa levedar, transfira a massa para a bancada ligeiramente enfarinhada e estique-a, em forma de retângulo grande até obter uma espessura de cerca de 4mm. Barre uniformemente com o puré de maçã e sobreponha os frutos secos cortados e as sultanas, enrole uma das laterais até meio da massa e faça o mesmo do outro lado, formando dois caracóis com o mesmo diâmetro. Vire a massa ao contrário. Coloque num tabuleiro forrado com papel siliconizado e achate ligeiramente. Com uma faca afiada dê uns golpes nas laterais da massa, com 5 cm de distância, mas tendo o cuidado de não separar o bolo em fatias. Deixe levedar cerca de 1 hora ou até dobrar de tamanho.

     

  6. Pré-aqueça o forno a 180ºC.
  7. Pincele com a gema de ovo (misturada numa colher de sopa de leite) e decore com a amêndoa palitada. Leve ao forno por cerca de 25 a 30 minutos (dependendo do seu forno). Verifique se está cozido ao fim de 25 minutos.

    IMG_3306.jpeg

  8. Retire do forno, pincele com geleia e deixe arrefecer em cima de uma grelha. Polvilhe com um pouco de canela e açúcar em pó e sirva.

Bom apetite!

30
Dez23

👑 O Bolo do Rei XXIII

O Rei vai... o Rei vai, encantador, para a Passagem de Ano! 🎊

Com tudo planeado para que nada falhe na noite mais animada do ano, há velhos hábitos que se mantêm e no réveillon é tradição ter na mesa o bolo-rei e comer as 12 passas.

Um EXCELENTE 2024 para todos os que passam os seus dias neste espaço! 🍾🥂

IMG_3226.jpeg

Bolo-rei

Massa Mãe:

  • 125 g Farinha de trigo
  • 30 g Fermento de padeiro fresco
  • 60 ml Água (morna)
Massa:
  • 500 g de Farinha de trigo
  • 100 g de Açúcar
  • 100 g de Manteiga (à temperatura ambiente)
  • 2 Ovos L
  • Raspa de 1 limão
  • 100 ml Leite
  • 8 g de Sal
  • 30 ml de Vinho do Porto
  • 10 ml de Aguardente Bagaceira  
  • 10 ml de whisky
  • 5 ml de Licor de Amêndoa Amarga
  • 200 g de Frutos secos (nozes, pinhões, avelãs, amêndoas, etc.)
  • 70 g de Sultanas


Cobertura:

  • Ananás; Morango; Laranja; Tangerina; Melão; Pera; Cereja; Alperce; outros.
  • 1 Gema de ovo (pincelar)
  • Açúcar em pó q.b

 

Preparação:

  1. Pique a fruta seca, junte as sultanas, coloque numa taça, regue com o Vinho do Porto e deixe macerar.
  2. Amasse os ingredientes para a Massa Mãe, faça uma bola, coloque numa tigela e tape. Deixe levedar durante 2 horas.
  3. Misture bem o açúcar, os ovos, o leite, o sal, a raspa do limão e as bebidas. Depois, acrescente a farinha e amasse.
  4. Junte a Massa Mãe e amasse mais ou menos 10 minutos, até que a massa fique macia e elástica. Se estiver muito rija, junte um pouco de leite morno.
  5. Deixe descansar cerca de 5 minutos.
  6. Tenda a massa, coloque os frutos secos, as frutas secas e as sultanas (maceradas no Vinho do Porto), e amasse apenas o necessário para envolver bem.
  7. Deixe a massa levedar 5 a 6 horas, até dobrar de volume, tapada com um pano, num local temperado.
  8. Coloque a massa em cima da bancada, forme uma bola e deixe descansar 10 minutos (tapada).
  9. Insira o cotovelo no centro da bola e carregue; com as mãos faça uma argola não muito fina (para que o buraco central não se feche, pode colocar um copo até à hora de ir ao forno).
  10. Coloque no tabuleiro forrado com papel siliconizado, pincele com a gema e decore com os frutos.
  11. Deixe levedar, cerca de 1:30h ou até dobrar de volume, num local temperado.
  12. Pré-aqueça o forno a 180º C.
  13. Coloque no forno para cozer. O tempo de cozedura para porções de, mais ou menos, 500 g é de 25 a 30 minutos (varia consoante o forno). Faça o teste do palito.
  14. Quando retirar do forno pode pincelar com geleia diluída num pouco de água, para dar brilho, e decorar com açúcar em pó.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Junte todos os frutos para a cobertura numa taça, regue com um pouco de Vinho do Porto e deixe a macerar, para que não queimem quando forem ao forno.
11
Out23

Bolo de Pera e Cenoura

A pera e a cenoura proporcionamo-nos bolos húmidos deliciosos. Nesta receita há naturalidade, diversidade e muito sabor.

Este bolo é subtilmente aromatizado com Vinho do Porto e Laranja, incorporados num puré de pera e cenoura. A pera confere à massa um sabor muito ténue e bastante humidade. A cenoura deixa o bolo mais saboroso, com uma bela cor amarela intensa, e ainda mais húmido, permitindo, assim, uma redução do teor de gordura!

O interior deste Bolo de Pera e Cenoura, além de húmido, é fofo e macio como, provavelmente, nunca comeram antes. E permanece fresco durante 4-5 dias!

Deixem-me contar-vos, todos os que o experimentaram adoraram e algumas reações foram: “fabuloso”, "the best", "magnífico", "top 3"!

Tenham paciência para aguardar que arrefeça e depois lambuzem-se à grande!

IMG_2286.jpeg

 

IMG_2302.jpeg

Depois de experimentarem, seguramente, esta será a vossa receita predileta para utilizar peras frescas!

 

Bolo de Pera e Cenoura

  • (200 g) +/- 3 Peras, bem maduras (descascadas e descaroçadas)
  • (200 g) +/- 3 Cenouras grandes (descascadas)
  • 1 Colher de Sopa de Sumo de Laranja
  • Raspa de 1/2 Laranja 
  • 70 g de Manteiga com Sal
  • 150 g Açúcar Amarelo
  • 3 Ovos, grandes
  • 30 ml de Vinho do Porto
  • 25 g de Farinha de Amêndoa
  • 220 g de Farinha de Trigo para Bolos com Fermento
  • 50 g de Amido de Milho
  • 1 Colher de Chá de Fermento em pó
  • 1 Pitada de Sal
  • Manteiga (para untar a forma) q.b
  • Farinha de trigo (para polvilhar a forma) q.b

 

Cobertura:

  • 50 g de Chocolate Negro com Laranja + 50 g de Chocolate semi-amargo
  • 1 Colher de Sopa de Manteiga
  • 2 Colheres de Sopa de Leite meio-gordo

 

Preparação:

  1. Descasque as cenouras, corte-as aos pedaços e coza em água abundante com uma pitada de sal. Depois de cozidas, escorra bem e deixe arrefecer.
  2. Pré-aqueça o forno a 180° C. 
  3. Separe as gemas das claras. Bata as claras em castelo.
  4. Bata a manteiga amolecida com o açúcar, cerca de 5 minutos, para obter um creme esbranquiçado e macio.
  5. Entretanto, descasque as peras, corte-as aos bocados e coloque num copo. Junte o sumo de laranja, o vinho do Porto e a cenoura cozida, e triture com a varinha mágica até obter um puré. Reserve.
  6. Sem parar de bater, junte ao creme de manteiga as gemas uma a uma. Bata durante 1 minuto.
  7. Acrescente o puré e a raspa da laranja, e misture, em velocidade baixa, durante 20 segundos.
  8. Numa tigela, coloque a farinha de trigo, o amido de milho e o fermento, peneirados, e a farinha de amêndoa, e misture.
  9. De seguida, misture os sólidos no preparado anterior, somente até ficar tudo incorporado. Cerca de 10-15 segundos, em velocidade baixa.
  10. Com o fouet ou espátula de silicone, envolva, delicadamente, as claras em castelo em 2 vezes.
  11. Verta a massa numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha.

    IMG_2270.jpeg

  12. Leve ao forno por cerca de 30 minutos ou até que o palito saia seco.
  13. Retire do forno e deixe arrefecer 15 minutos antes de desenformar.

    IMG_2272.jpeg

  14. Prepare a cobertura: leve a banho-maria os chocolates, a manteiga e o leite. Mexa, de vez em quando, até obter um creme liso e brilhante.
  15. Cubra o bolo com o creme de chocolate e decore a gosto. Deixe arrefecer e sirva.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Não bata muito a farinha pois irá desenvolver o glúten, o que deixará o bolo pesado/denso.
  • Para guardar o Bolo deve colocar num recipiente hermético. À temperatura ambiente, vai durar cerca de três dias. Tenha atenção para não deixar sob luz solar direta. Se quiser guardar no frigorífico, dura quatro a cinco dias.
02
Out23

Compota de Maçã & Marmelo

Têm maçãs em casa? E marmelo? Então, experimentem esta compota com passos muito simples, rico em fruta e pouco doce. 

Aconselho a utilizarem uma maça doce, tipo Fugi ou Gala, e com um bom equilíbrio de acidez.

Esta compota caseira é uma forma magnifica de conservarmos os sabores da maçã e do marmelo frescos, sem adição de conservantes ou corantes sintéticos. Uma delícia com, somente, pura bondade da fruta!

IMG_2023.jpeg

 

Compota de Maçã e Marmelo
(com Nozes)

 

  • 230 g de Maçã, bem madura (descascada e descaroçada)
  • (+/- 85 g) 1 Marmelo (descascado e descaroçado) 
  • 50 g de Açúcar Mascavado
  • 1 Colher de Sobremesa (cheia) de Mel
  • 1 Pau de Canela
  • 1 Casca de Limão 
  • 2 Colheres de Sopa de Vinho do Porto
  • 1 Chávena de Água
  • Noz-moscada, a gosto (ralada na hora, de preferência)
  • 20 g de Miolo de Noz

 

Preparação:

  • Descasque as maças e o marmelo, e retire os caroços. Corte a fruta aos pedaços pequenos e coloque num tacho. Adicione os restantes ingredientes, com excepção da noz.
  • Misture bem e leve ao lume até ferver. Tape o tacho, deixe cozinhar em lume brando, mexendo de vez em quando, até que a maça e o marmelo estejam cozidos e a desfazerem-se. A compota deve começar a fazer o ponto de estrada.
  • Retire o pau de canela e a casca do limão. Pode esmagar tudo com um garfo ou triturar com a varinha mágica. Se a compota estiver demasiado liquida leve novamente ao lume (brando).
  • Depois, acrescente a noz e misture.
  • Coloque em tacinhas ou frascos esterilizados e tape/feche bem. Guarde no frigorífico e consuma num prazo de 1 a 2 semanas. Pode também guardar alguns frascos no congelador.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Se desejarem, reservem as cascas e os caroços do marmelo para fazerem geleia.
20
Set23

Pera de “última hora" num Bolo com Chocolate e Vinho do Porto!

Confeccionar doces com a pera fresca é uma das formas mais deliciosas de usufruir deste fruto. Principalmente na época de abundância, que rapidamente passa de muito duro a muito maduro. Foi o que aconteceu! Inesperadamente, "d'um dia para o outro", as minhas peras amadureceram todas! Vai dai, servi-me desta receita, bem fácil de preparar e que é uma fantástica opção quando queremos uma sobremesa/lanche de "última hora". 

Cá está, um bolo elegante, com a textura cremosa e muito macia da pera e a fusão sublime de sabores, cujo aroma enche o ar! O seu "poderoso" sabor e a sua massa fofa e húmida, deixa toda a gente apaixonada e a desejar por mais!

IMG_2059.jpeg

 

IMG_2078.jpeg

 

Bolo de Pera com Chocolate e Vinho do Porto

  • 6 Peras maduras
  • 250 g de Farinha de Trigo
  • 195 g de Açúcar Amarelo
  • 150 g de Manteiga com Sal
  • 18 g de Fermento em pó
  • 8 g de Bicarbonato de Sódio
  • 45 g de Chocolate de culinária 
  • 20 g de Cacau Magro em pó
  • 1/2 Colher de Chá de Canela em pó
  • 4 Ovos
  • 120 g de Leite meio-gordo
  • 30 g de Vinho do Porto
  • 20 g de Amêndoa palitada
  • Vinho tinto q.b
  • 20 g de Chocolate (decoração)

 

Preparação:

  1. Unte bem uma forma com manteiga e polvilhe com farinha. Ligue o forno a 180°C.
  2. Descasque as peras, corte-as ao meio, descaroce e pincele-as com vinho tinto, para não escurecerem. 
  3. Coloque no processador o chocolate de culinária, aos pedacinhos, e triture até ficar uma espécie de "farinha". Reserve numa taça.
  4. Deite no processador a farinha de trigo, o açúcar e a manteiga amolecida. Processe até obter uma mistura homogénea.
  5. Verta a mistura anterior para uma tigela e misture o fermento, o bicarbonato, o cacau e a canela, todos peneirados, e a "farinha" de chocolate. Reserve.
  6. Noutra tigela, coloque os ovos e, com uma batedeira, bata muito bem. Adicione o leite e o vinho do Porto, em fio, e misture. De seguida, junte a mistura dos secos e bata, em velocidade baixa, até obter uma massa fofa.
  7. Verta a massa na forma. Disponha as peras em circulo sobre a massa, e afunde-as parcialmente, de modo a que a superfície maior fique voltada para baixo. Distribua a amêndoa palitada.

    IMG_2043.jpeg

  8. Leve ao forno a cozer durante 35 a 40 minutos, até que ao espetar um palito no centro do bolo saia seco.
  9. Retire do forno e deixe arrefecer por cerca de 20-30 minutos.

    IMG_2055.jpeg

  10. Desenforme o bolo e decore com o chocolate (derretido). Deixe arrefecer completamente, sirva e...

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Utilizei a Pera General Leclerc - doce, suculenta e perfumada - mas, qualquer tipo de pera que escolham para esta receita vai acrescentar humidade ao bolo e portanto ser um sucesso.
  • Escolham as peras maduras que tiverem em casa, e que mantenham a forma (não se desfaçam), pois cozinham muito mais rápido do que as peras mais duras. 
15
Set23

Um fenómeno da noite, para o dia! Bolo de Amêndoa com Vinho do Porto, Canela e Uva-morangueira!

A Uva-morangueira resulta do cruzamento de vinhas americanas (Vitis labrusca) e europeias (Vitis vinifera). Quando atinge a maturidade é doce e super saborosa.

Como este tipo de uva não é comercializado no supermercado, resta-me "rezar" para conseguir "caçar" este tesouro no mercado local. Esta semana "a sorte bateu-me à porta"... encontrei-a! Assim sendo, preparei este prazeroso Bolo de Amêndoa com Vinho do Porto, Canela e Uva-morangueira.

Bom, ter que levantar de madrugada, num fim de semana, para preparar um bolo é deveras azucrinante! Especialmente para os que têm filhotes! Por isso, ter a possibilidade de preparar a massa do bolo no dia anterior, para cozer no dia seguinte, sem perder qualidade, é... estonteante! Deste modo, temos condições para nos levantar de manhã, sair para uma caminhada e aproveitar o ar fresco, relaxada...mente! Que foi o que fiz! Nas manhãs como a desta, fico grata por ter uma fatia de bolo, recheada com uma mistura de sabores deliciosos e um perfume frutado, em casa à minha espera!

Este bolo tem uma massa macia, fofa e húmida (sem deixar aquela sensação gordurosa na boca). Nada denso e não é excessivamente doce!

Soa-vos bem? Então, experimentem e tenham um pequeno-almoço, incrível, bem rápido!

IMG_1962.jpeg

 

IMG_1984.jpeg

É a receita perfeita para as manhãs e/ou tardes de fim de semana, feriados e, também, uma inclusão bem-vinda à mesa do almoço ou jantar!

 

Bolo de Amêndoa com Vinho do Porto, Canela e Uva-morangueira

  • 300 g de Farinha de Trigo
  • 6 g de Fermento em pó
  • 4 g de Bicarbonato de Sódio
  • 150 g de Açúcar Amarelo 
  • 2 g de Canela em pó 
  • 50 g de Amêndoa torrada com pele (picada grosseiramente) 
  • 100 g de Manteiga com Sal
  • 2 Ovos
  • 1 Colher de Chá de Mel (usei, de Urze)
  • 200 g de Bebida vegetal de Amêndoa 
  • 50 g de Vinho do Porto
  • Raspa de 1/2 Limão 
  • 60 g de Maçã ralada (descascada) 
  • 1 Cacho de Uva-morangueira 


Preparação:

  1. Unte bem uma forma e polvilhe com farinha.
  2. Numa tigela grande, misture a farinha (peneirada), o fermento, o bicarbonato, a canela e a amêndoa. Faça uma cova no centro e coloque a manteiga amolecida.
  3. Noutra tigela misture a bebida vegetal, o mel, a raspa do limão e os ovos (ligeiramente batidos com um garfo).
  4. Acrescente a mistura anterior na tigela dos sólidos, juntamente com o vinho do Porto e a maçã.
  5. Envolva todos os ingredientes com uma espátula de silicone até ficar uma massa cremosa.
  6. Verta a massa na forma e espalhe gentilmente, de forma a que fique uniforme.

    IMG_1944.jpeg

  7. Cubra a forma com película aderente e deixe no frigorífico durante a noite, ou pelo menos durante 8 horas.
  8. No dia seguinte, pré-aqueça o forno a 180 °C.
  9. Retire a forma do frigorífico e distribua as uvas pela superfície da massa.

    IMG_1954.jpeg

  10. Leve ao forno por cerca de 30 a 35 minutos, até que ao inserir um palito no centro do bolo este saia seco. Retire do forno e deixe arrefecer na forma durante 20-30 minutos.

    IMG_1958.jpeg

  11. Desenforme o bolo e deixe arrefecer completamente antes de servir.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • A colheita da uva-morangueira é, geralmente, feita na altura do Outono. Da fermentação desta uva, também conhecida por Uva-americana, resulta o Vinho "Morangueiro” ou Vinho "Americano”, como é conhecido em algumas regiões do país, inclusive, nos Açores, é apelidado de “Vinho de cheiro” por conter um aroma frutado e sabor característico, bem acentuado.
  • Podem substituir as uvas por outro fruto, tal como, mirtilos, morangos, ameixas (em cubinhos), maçã (fatiada), ou por frutos secos.
17
Jun23

Bolinhos de Citrinos e Vinho do Porto

Preparei um tabuleiro cheio destes bolinhos, para congelar e poder deliciar-me ao longo da semana. Se não quando, as minhas "formiguinhas", que adoram tanto estes bolinhos quanto eu, testaram e atestaram, e nem uma sobra deixaram. De facto, são de tal forma ligeiros e frescos que, quando se começa a comer torna-se difícil parar.

Lá vou eu fazer mais uma fornada, naturalmente!

IMG_1273.jpeg

 

Bolinhos de Citrinos e Vinho do Porto

  • 280 g de Farinha de Trigo com Fermento 
  • 280 g de Farinha de Trigo sem Fermento
  • 15 g de Fermento em Pó
  • 80 g de Manteiga com Sal
  • 120 g de Açúcar Amarelo 
  • 250 g de Kéfir Natural 
  • 1 Ovo
  • 100 g de Leite Meio-Gordo
  • 35 g de Vinho do Porto
  • Raspa de 1 Limão 
  • Raspa de 1 Laranja 


Preparação:

  1. Peneire e misture as farinhas e o fermento.
  2. Acrescente a manteiga fria (aos pedaços) e com um garfo esfarele ligeiramente, até obter uma espécie de migalhas grossas. De seguida, adicione o açúcar e misture.
  3. Misture o ovo com o kéfir e, depois, junte o leite, o vinho do Porto, a raspa do limão e da laranja. Adicione à mistura anterior e envolva, delicadamente, até formar uma massa homogénea. (Não trabalhe demais a massa. Quanto menos, melhor!)
  4. Com a ajuda de duas colheres de sopa, coloque montinhos de massa num tabuleiro forrado com papel vegetal.

    IMG_1269.jpeg

  5. Leve ao forno pré-aquecido a 200ᵒC, durante 20 minutos ou até ficarem dourados.
  6. Retire do forno e deixe os bolinhos arrefecer sobre uma grelha.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Para congelar os Bolinhos: deixe arrefecer completamente, embale num saco de congelação e coloque no congelador.
  • Para descongelar os Bolinhos: deixe descongelar à temperatura ambiente e depois aqueça um bocadinho na torradeira. Ou então, coloque diretamente na torradeira por +/-5 minutos. (O Bolinho mantém a sua humidade, fica quentinho e crocante!)

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Direitos de Autor

Todas as fotografias publicadas são da minha autoria, incluindo a sua edição. Por favor, não utilizem as minhas fotografias sem a minha autorização. Muito obrigada.

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub