Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

7 Dias Nutridos de Sabores

Sou uma apaixonada pelo mundo da cozinha e tenho o gosto de partilhar as minhas receitas favoritas. Considero este blog como o meu encantador livro de receitas. Receitas ricas de aromas e sabores memoráveis.

7 Dias Nutridos de Sabores

18
Fev23

Rabanadas de Abóbora

Gostariam de comer uma Rabanada profundamente cremosa? Aqui está ela!

Assumo, no início estava um pouco reticente mas, depois de provar a mistura de abóbora com o leite aromatizado fiquei bastante entusiasmada. E, de facto, fica... deliciosamente cremosa! A abóbora realça o sabor clássico da rabanada e cria uma mistura rica, semelhante a um creme, que cobre as fatias do pão (aumentando a camada externa). E o interior da rabanada fica com uma consistência tipo pudim.

Tal como fiz nas Rabanadas de Leite, confeccionei estas Rabanadas com leite sem lactose para poderem ser experienciadas por todos, incluindo os intolerantes à lactose.

Podem preparar estas rabanadas durante a semana ou, façam como eu, no fim-de-semana quando posso sentar, descontrair e apreciar.

CFB967B7-D7AA-4C25-AE42-27C22ED755CD.jpeg

341BF397-17EA-4EC4-BA56-BF75E1ACF793.jpeg


Rabanadas de Abóbora 

  • 8 fatias de Pão de Cacete (fatias cortadas com 2 cm de largura; pão do dia anterior)
  • 100g de Abóbora manteiga ou menina, cozinha (escorrida)
  • 500ml de Leite meio-gordo (sem lactose)
  • 50g de Açúcar Amarelo
  • 3 cascas de Limão
  • 1/2 colher de café de Canela em pó 
  • ¼ colher de café de Noz-moscada
  • 1 ovo L
  • 1 colher de sobremesa de Vinho do Porto 
  • +-450ml de Óleo, para fritar
  • Para polvilhar: 2 colheres de sopa de Açúcar; 1 colher de sopa de Canela

 

Preparação:

  1. Coza uma rodela pequena de abóbora, sem casca e pevides, com uma pitadinha de sal. Depois, escorra e reserve.
  2. Ferva o leite, numa panela, com o açúcar, as cascas de limão, a canela e a noz-moscada. Quando ferver, desligue o lume.
  3. Junte a abóbora, retire as cascas do limão, e triture com a varinha mágica.
  4. Deixe repousar (com tampa) durante 20 minutos;
  5. Coloque a mistura de abóbora numa travessa de vidro e demolhe as fatias de pão. Utilize as mãos para espalhar a mistura, cobrindo todos os lados do pão. Reserve durante 20 minutos e vá virando, com muito cuidado, as fatias de 5 em 5 minutos, para ficarem bem húmidas;
  6. Bata muito bem o ovo com o vinho do Porto, com a ajuda de um garfo, numa travessa de vidro;
  7. Passe cada fatia de pão no ovo, à medida que for fritando. (A mistura de abóbora é muito mais espessa do que a mistura de leite tradicional das rabanadas, portanto, pode ser necessário retirar um pouco antes de passar no ovo).
  8. Frite em lume médio e óleo abundante, dos dois lados, até ficarem douradinhas. Reduza o lume conforme for necessário para cozinhar completamente sem queimar.
  9. Coloque as fatias a escorrer em papel de cozinha, para retirar o excesso de óleo;
  10. Misture o açúcar com a canela e passe as fatias, uma de cada vez.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Pão – Sempre que fizerem rabanadas utilizem o pão do dia anterior, pois vai absorver melhor o líquido, e evitem fatias finas de pão, cortem fatias grossas (2cm ou 2,5cm).
27
Dez22

Rabanadas de Leite

Quem venera uma boa Rabanada, bem suculenta? Eu e o clã.

Esta iguaria associada à época natalícia, encontra-se em diversas partes do mundo, com nomes bastante distintos. Em Portugal, chamamos "Rabanadas" se forem fritas em óleo ou "Fatias Douradas" se forem fritas em manteiga. No Reino Unido e nos EUA as "nossas" fatias douradas são conhecidas como "French toast" e em França por "Pain perdu".

Existem receitas de rabanadas para todos os gostos, de leite, leite condensado, vinho e, ainda, recheadas.

Confeciono as minhas rabanadas com leite sem lactose para poderem ser degustadas por todos, incluindo os intolerantes à lactose.

Honestamente, as melhores rabanadas são feitas (a quatro mãos) com a minha querida mãe... estas encantadoras Rabanadas de Leite!

Rabanadas.jpeg


Rabanadas de Leite

  • 850ml Leite meio-gordo (sem lactose)
  • 60g Açúcar Amarelo ou Mascavado
  • 1 c. sobremesa de Mel
  • 2 paus de Canela
  • 2 cascas de Limão
  • 1 vagem de Cardamomo
  • 8-10 fatias de pão de cacete (fatias cortadas com, mais ou menos, 1.5 a 2 cm de largura; pão com 2 dias)
  • 3 ovos L
  • +-450ml Óleo, para fritar
  • Para polvilhar: 4 c. sopa de açúcar; 2 c. de sopa de canela em pó


Preparação:

  1. Aqueça o leite, numa panela, com o açúcar, o mel, as cascas de limão, os paus de canela e a vagem de cardamomo (aberta);
  2. Retire do lume, antes de começar a ferver, e deixe repousar (com tampa) durante 15-20 minutos;
  3. Coloque o leite numa travessa de vidro, descartando as cascas de limão, o cardamomo e os paus de canela;
  4. Demolhe as fatias de pão no leite morno e reserve;
  5. Bata muito bem os ovos, com a ajuda de um garfo, numa travessa de vidro;
  6. Passe cada fatia de pão no ovo, à medida que for fritando, e frite em óleo (quente e abundante), dos dois lados, até ficarem douradinhas;
  7. Coloque as fatias a escorrer em papel de cozinha, para retirar o excesso de óleo;
  8. Misture o açúcar com a canela e passe as fatias, uma de cada vez.

Bom apetite!

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Direitos de Autor

Todas as fotografias publicadas são da minha autoria, incluindo a sua edição. Por favor, não utilizem as minhas fotografias sem a minha autorização. Muito obrigada.

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub