Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

7 Dias Nutridos de Sabores

Sou uma apaixonada pelo mundo da cozinha e tenho o gosto de partilhar as minhas receitas favoritas. Considero este blog como o meu encantador livro de receitas. Receitas ricas de aromas e sabores memoráveis.

7 Dias Nutridos de Sabores

04
Jun24

Gratinado de Peixe com Crumble e Batatinhas no forno

Este prato tem um recheio viscoso e bem saboroso, envolvendo quadros de salmão e camarão, o qual é coberto por uma mistura crocante de pão ralado fresco, flocos de aveia, ervas aromáticas e queijo ralado. Mas não é só, tem a acompanhia de umas batatinhas assadas no forno. A surpresa desta refeição é uma verdadeira explosão de sabores numa só garfada! Para a festa no paladar acalmar, juntei uma salada fresca que revigora e prepara o palato para mais uma garfada.

Um prato com peixe que é uma viagem ao paraíso dos sabores!

IMG_4463.jpeg

 

IMG_4465.jpeg


Gratinado de Peixe com Crumble e Batatinhas no forno 

  • 350 ml leite
  • 25 g manteiga
  • 25 g amido de milho
  • 1 colher de chá de cebolinho, picadinho
  • 1 colher de chá de salsa, picadinha
  • 25 g queijo cheddar, ralado
  • (2x125 g) 2 lombos de salmão, cortados em cubos (2-3 cm)
  • 9 camarões (crus)
  • noz-moscada ralada q.b
  • sal e pimenta preta q.b
  • 500 g batatinhas para assar

Cobertura:

  • 100 g pão ralado (de pão fresco)
  • 25 g flocos de aveia finos
  • 30 g azeite 
  • 20 g manteiga (derretida)
  • 1 colher de sopa cebolinho, picadinho
  • 1 colher de sopa salsa, picadinha
  • 25 g queijo cheddar, ralado


Preparacao:

  1. Prepare as Batatas: Descasque as batatas. Coza em água com um pouco de sal e pimenta preta. As batatas devem ficar "al dente" para que não se desfaçam quando forem envolvidas no azeite e porque ainda vão ao forno. Quando a água começar a ferver, baixe o lume e deixe cozinhar por apenas 5 minutos. Depois, escorra a água. Coloque-as num tabuleiro, regue com um fio de azeite e envolva-as cuidadosamente. Tenha a atenção para não sobrepor as batatas, elas devem estar todas em contacto com o fundo do tabuleiro para que dourem mais rapidamente e uniformemente. Leve ao forno pré-aquecido a 200ºC, até ficarem douradinhas e crocantes.
  2. Tire as cabeças e as cascas aos camarões e limpe-os. Coloque as cabeças e as cascas dos camarões numa panela pequena juntamente com o leite e leve a lume brando durante 10 minutos. Escorra bem e reserve o leite.
  3. Coloque a manteiga numa tacho, leve a lume brando até derreter. Adicione o amido de milho e mexa por 30 segundos, depois verta 280 ml de leite quente, em fio, mexendo sempre até que o molho fique uniforme e espesso.
  4. Adicione as ervas, a noz-moscada e o queijo e mexa bem. Adicione o peixe e os camarões, tempere com sal e pimenta, e misture gentilmente para não desfazer o peixe. Cozinhe, em lume brando, por cerca de 2 minutos até que os camarões comecem a ficar rosados. (Caso seja necessário, acrescente um pouco mais de leite). Retifique o tempero se for necessário e depois coloque num tabuleiro de vidro (pirex).

    IMG_4466.jpeg

  5. Numa tigela, misture bem todos os ingredientes para a cobertura. Polvilhe sobre a superfície do preparado anterior, criando uma camada uniforme.

    IMG_4462.jpeg

  6. Leve ao forno a 200˚C, por cerca de 15 minutos ou até ficar dourado e crocante por cima. Sirva com as batatinhas assadas e uma salada fresca (opcional).

Bom apetite!

23
Mai24

Batata-doce com Atum e Legumes gratinados

Tão somente, adoro!

Ao comer este prato sentimo-nos muito virtuosos. A elevada quantidade de legumes "anula" a gordura do queijo guloso e agrada o estômago.

Porque cuidar do estômago é importante, podemos/devemos fazê-lo através de uma dieta equilibrada, rica em frutas e vegetais, peixe, carne de aves, e exercício físico regular!

Esta é uma receita saudável, descomplicada e económica. Faço cá em casa muitas vezes, diversificando os legumes (consoante o que tenho no frigorífico) para não enfastiar.

IMG_4442.jpeg

IMG_4439.jpeg


Batata-doce com Atum e Legumes gratinados

  • (500 g) 2 batatas-doces, grandes
  • 1 colher de chá paprika fumada
  • 1 lata de atum em azeite
  • 30 ml vinho branco
  • 1 cebola
  • 4 dentes de alho
  • 1 cenoura, grande
  • 1 alho-francês
  • 1/3 pimento vermelho 
  • 6 azeitonas verdes (cortadas aos bocados)
  • 200 g couve-coração 
  • noz-moscada, ralada q.b
  • 1 colher de sopa salsa fresca, picadinha
  • 6 alcaparras 
  • 70 g queijo cheddar, ralado
  • azeite q.b.
  • sal q.b.
  • pimenta q.b.


Preparação:

  1. Comece por lavar muito bem as batatas. Corte-as ao meio e coza-as, tapadas, com água e uma pitada de sal durante cerca de 20 minutos.
  2. Descasque e pique bem a cebola e os alhos. Coloque 4 colheres de sopa de azeite num tacho, junte a cebola e os alhos, e cozinhe em lume brando, até que fiquem translúcidos.
  3. Adicione a cenoura, descascada e ralada grosseiramente, e mexa. 
  4. Corte o repolho em juliana fina, lave e escorra. Corte o alho-francês em rodelas, lave e escorra. Parta o pimento, remova as sementes, corte em quadrados pequenos e junte todos os legumes no tacho, mexendo bem.
  5. Tempere com a paprika fumada, o vinho branco, o sal, a noz-moscada e a pimenta (a gosto).
  6. Reduza o lume, tape o tacho e deixe cozinhar até que os legumes estejam macios (mas ainda um pouco crocantes).
  7. Retire a casca das batatas, esmague a polpa com um garfo e junte ao preparado anterior.
  8. Adicione o atum (escorrido), as azeitonas, a salsa e as alcaparras picadinhas e misture. Coloque num tabuleiro de vidro (pirex), untado com azeite.

    IMG_4443.jpeg

  9. Polvilhe com queijo cheddar ralado.

    IMG_4445.jpeg

  10. Coloque no forno, pré-aquecido a 180 ºC, para gratinar.

Bom apetite!

07
Mai24

Gratinado de Bacalhau e Legumes

Bacalhau assado, frito, estufado ou "com todos", seja como for, adoro este peixe! 

Esta receita não tem grande dificuldade e é uma alternativa muito menos calórica ao clássico Bacalhau com natas.

Apesar de não ter as tradicionais natas, tem um molho bechamel amarelinho, enriquecido com gema de ovo, que fica bem cremoso e saboroso. Além disso, por tradição, as batatas são fritas mas eu faço com batatas cozidas, porque o prato já é tão rico em sabores e texturas que se torna desnecessário acrescentar gordura.

Experimentem esta delícia sem natas e sem batata frita!

IMG_4288.jpeg

 

IMG_4285.jpeg


Gratinado de Bacalhau e Legumes 

  • 1 posta de bacalhau (alta)
  • 800 ml leite
  • 1 folha de louro
  • (500 g) +/- 3 batatas médias 
  • 1 cebola
  • 3 dentes de alho
  • azeite q.b
  • 1 cenoura, grande
  • 1 alho-francês 
  • 1/4 pimento vermelho 
  • 220 g brócolos 
  • 90 g couve coração 
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • 1 gema
  • (20 g) 2 colheres de sopa de amido de milho
  • 1 colher de sopa de salsa fresca, picadinha 
  • sal, pimenta e noz moscada q.b.
  • 5 fatias de queijo ou 2 colheres de sopa de queijo ralado: edam, parmesão ou mozzarella


Preparação:

  1. Coza o bacalhau no leite, junto com a folha de louro. Deverá cozer cerca de 10 minutos ou então até o bacalhau lascar. Retire do lume e deixe arrefecer. Coe o leite com um coador e reserve. Remova a pele e espinhas do bacalhau, lasque-o e reserve.
  2. Descasque as batatas, corte em rodelas (não muito grossas), coza em água e sal até ficarem macias (sem que se desfaçam) e escorra.
  3. Escalde os raminhos dos brócolos e a couve coração (cortada em fatias grossas), durante 2 minutos, e escorra.
  4. Corte a cebola em rodelas finas e refogue-as num tacho com 2 colheres de sopa de azeite e os alhos picados, em lume brando.
  5. Descasque e rale a cenoura. Lave e corte o alho-francês em rodelas finas. Corte o pimento em cubinhos. Adicione ao tacho e salteie.
  6. Adicione a manteiga e o amido, mexa bem. Acrescente aos poucos 650 ml de leite (reservado), mexendo sempre até engrossar. Junte uma pitada de noz-moscada e pimenta (a gosto).
  7. Numa taça, misture a gema com 2 colheres de sopa de leite, junte ao tacho e mexa rapidamente. Deixe cozinhar cerca de 1 minuto e depois adicione os brócolos, a couve, o bacalhau e a salsa, envolva e deixe cozinhar por mais alguns minutos. Rectifique o sal, a pimenta e a noz-moscada se necessário. (Mexa de vez em quando e se necessário acrescente mais um pouco de leite.)
  8. Num tabuleiro de vidro de ir ao forno (pirex), untado com um pouco de azeite, coloque uma camada com metade das rodelas de batatas, outra com metade da mistura de bacalhau e legumes e, novamente, uma camada com as restantes rodelas de batatas e outra com a mistura de bacalhau e legumes. Finalize com o queijo fatiado ou ralado por cima.

     

  9. Leve ao forno pré-aquecido a 200°C, por cerca de 15 minutos ou até que fique coradinho. Retire do forno e sirva de imediato.

Bom apetite!

07
Abr24

Sarda e Batatas Assadas com Alho e Ervas Aromáticas: para apreciar na hora, e depois, de cozinhar!

Hum, desta vez não vou perder-me em palavras, deixo apenas a sugestão para comerem mais vezes peixe!

IMG_4104.jpeg


Sarda e Batatas Assadas com Alho e Ervas Aromáticas

  • 3 sardas, escaladas
  • 500 g batatas (para cozer)
  • água q.b
  • 4 colheres de sopa vinho branco
  • sal q.b
  • pimenta preta q.b
  • 6 dentes de alho
  • 4 colheres de sopa de azeite
  • 1/2 colher de sopa de orégãos secos
  • 1 colher de sopa de salsa fresca, picadinha
  • 1 couve penca, grande


Preparação:

  1. Descasque as batatas e corte-as aos bocados. Coza em água com um pouco de sal. As batatas devem ficar "al dente" para que não se desfaçam quando forem envolvidas na marinada e porque ainda vão ao forno. Quando a água começar a ferver, baixe o lume e deixe cozinhar por apenas 5 minutos. Depois, escorra a água. Junte 2 dentes de alho picadinhos, 2 colheres de sopa de azeite, pimenta a gosto e a salsa picadinha, envolva cuidadosamente nas batatinhas. A meio do tempo da assadura do peixe coloque-as no tabuleiro, à volta do peixe. Adicione um fio de azeite.
  2. Coloque num tabuleiro, o vinho branco, 2 dentes de alho picadinhos, 2 colheres de sopa de azeite e os orégãos e misture. Envolva o peixe na marinada, tempere com sal e pimenta. Leve ao forno a 200ºC por cerca de 30 minutos, virando cuidadosamente a meio do tempo. Deixe assar até que o peixe e as batatinhas estejam dourados.
  3. Entretanto lave a couve e corte-a em tiras. Coloque-a num tacho e deixe cozer em água temperada com sal. Quando a água começar a ferver, baixe o lume e coza-a em lume brando por cerca de 10 minutos. Escorra, adicione um fio de azeite e junte 2 dentes de alho picadinhos. Salteie durante alguns minutos.
  4. Pronto a servir!

Bom apetite!

13
Mar24

Arroz soltinho de Pescada com Camarão

O arroz de peixe é uma das formas mais saborosas e saudáveis que me sirvo para preparar uma refeição com marisco.

Um grande tacho de arroz carregado com sabores do mar, neste caso pescada e camarão, complementados com o calor da pimenta preta e a frescura da salsa, é um enorme sucesso cá em casa!

Outro lado bom? É uma ótima refeição para fazer durante a semana, pois é muito fácil de preparar e fica pronta em menos de 1 hora. Além disso, todos os ingredientes necessários estão, quase sempre, disponíveis na nossa cozinha/frigorifico.

IMG_3869.jpeg

 

Arroz soltinho de Pescada com Camarão

  • 2 Postas de Pescada grandes
  • 6 Camarões com casca (crus)
  • 1 Chávena (cheia) de Arroz Carolino 
  • 1 Cebola grande, picadinha
  • 3 Dentes de Alho, picados
  • 1 Tomate, maduro
  • 3 Colheres de sopa de Azeite 
  • 2 Colheres de sopa de Vinho Branco
  • 1/3 Pimento vermelho
  • 1 pitadinha de Noz-moscada
  • 1 pitadinha de Paprica fumada 
  • Pimenta preta (a gosto)
  • Sal marinho (a gosto)
  • Salsa fresca (a gosto)

 

Preparação:

  1. Prepare o caldo de peixe (opcional): numa panela pequena, coloque as espinhas e peles do peixe, 1 cebola, 2 dentes de alho, 1 ramo de funcho (ou alho francês), 1 folha de louro e acrescente 1 litro de água a ferver, e deixe cozinhar por 20 minutos. Coe o caldo e reserve.
  2. Num tacho, coloque o azeite, os alhos picados, a cebola picadinha, o pimento vermelho cortado aos bocadinhos, o tomate sem pele cortado em pedacinhos e a paprica.
  3. Leve a lume baixo e cozinhe até o tomate começar a desfazer-se. Adicione o vinho branco e deixe cozinhar cerca de 2 minutos.
  4. De seguida, acrescente o arroz (previamente lavado). Mexa e deixe cozinhar cerca de 1 minuto.
  5. Despeje o caldo (o triplo do volume do arroz) e deixe ferver em lume alto. Quando começar a ferver, reduza para lume brando, coloque a pescada (aos pedaços), os camarões, a noz-moscada, a salsa picadinha, tempere com sal e pimenta preta.
  6. Deixe cozinhar cerca de 10 a 15 minutos (conforme o gosto). Adicione um pouco mais de caldo, se parecer um pouco seco.
  7. Desligue o lume e deixe repousar 2 minutos com a tampa fechada.
  8. Polvilhe com um pouco de salsa se desejar e sirva de imediato.

Bom apetite!

16
Fev24

Pescada no Forno com Puré de Batata doce e Couve Salteada

Fui ao talho com a intenção de comprar carne de vaca (cernelha) para assar e, para meu espanto, já não havia! Diz o talhante "hoje os clientes vieram todos comprar carne de vaca e porco para o Carnaval!" Como "quem não tem cão, caça com gato", não tinha carne fui atrás do peixe! O que poderia ser uma frustração, foi apenas uma abébia de idealizar/criar algo capaz de aprazer.

Por unanimidade esta foi uma refeição digna de classificação 5⭐️!

IMG_3649.jpeg

 


Pescada no Forno com Puré de Batata doce e Couve Salteada

Preparação do Puré de Batata doce

  • 800 g de Batata doce branca (descascada)
  • 1 Cebola pequena 
  • 2 Dentes de Alho
  • Sal e pimenta, a gosto
  • Noz-moscada, a gosto
  • 1 Colher de chá de Manteiga 
  • Leite q.b
  1. Descasque as batatas e a cebola e corte em quartos. Lave os alhos com a casca. Cozinhe em água com sal e pimenta, cerca de 10-15 minutos.
  2. Depois de cozidas (se espetar um garfo, os dentes enterram-se sem resistência), escorra, retire a casca dos alhos, e reduza tudo a puré com um Passe-Vite ou um esmagador de batatas.
  3. Leve a lume baixo e adicione, a manteiga e a noz-moscada. Misture bem, retifique o tempero, e mexa até ficar com a consistência a gosto (se necessário acrescente um pouco de leite, mas tenha atenção para que não fique muito mole).

 

Preparação da Couve Salteada

  • 2 Couves Penca
  • 2 Colheres de Sopa de Azeite
  • 4 Dentes de Alho
  • Sal, a gosto
  1. Lave as couves e retire os caules mais duros. Corte em tiras grossas. Coza num pouco de água, temperada com sal. Quando levantar fervura, deixe cozer cerca de 20 minutos. Depois, escorra.
  2. Num tacho, com azeite, aloure os alhos picadinhos. Envolva bem a couve e retifique o tempero. Salteie por uns minutos.

 

Preparação da Pescada 

  • 2 Colheres de Sopa de Azeite
  • 1 Cebola
  • 2 Dentes de Alho
  • 1 Tomate maduro
  • 1/3 Pimento vermelho
  • 1 Colher de Chá de Paprika fumada
  • 1 Folha de Louro
  • Alecrim, a gosto
  • 1/2 Chávena de Vinho Branco
  • 2 Postas de Pescada do Chile
  • Salsa fresca picadinha, a gosto
  • Sal e pimenta, a gosto
  1. Num tacho, com azeite, aloure a cebola e os alhos picadinhos.
  2. Junte o tomate aos bocadinhos, o pimento aos cubinhos, a paprika, e regue com o vinho branco.
  3. Acrescente a folha de louro e um pouco de alecrim picadinho. Deixe cozinhar durante 5 minutos.
  4. Adicione o peixe, a salsa picada, tempere com sal e pimenta, e junte um pouco de água. Tape e deixe cozinhar por 10 minutos. 
  5. Pré-aqueça o forno a 220ºC.
  6. Coloque as postas de peixe numa travessa, juntamente com o molho.
  7. Leve ao forno por 15 minutos, ou até que o peixe esteja douradinho.

Bom apetite!

16
Nov23

Empadão de Bacalhau 🎣

Esta é um receita de empadão, com peixe, muito fácil de preparar e cheia de sabor. A cama de bacalhau estufado com o alecrim fresco e a cebola caramelizada, coberta por um cremoso puré de batata e couve-flor, vai deixar-vos a pedir mais!

São os bons ingredientes, a simplicidade e o gosto, que tornam este empadão sedutor!

Experimentem e distribuam boas vibrações, porque é isso que conta!

IMG_2761.jpeg

 

Empadão de Bacalhau 

  • 5 Batatas grandes 
  • 1 Couve-flor
  • 2 Postas de Bacalhau (demolhado)
  • 4 Cebolas
  • 4 Dentes de Alho
  • 1 Tomate maduro 
  • 1/2 Pimento vermelho 
  • Azeite q.b
  • 25 ml de Vinho Branco
  • 1/2 Colher de Chá Alecrim fresco
  • 1 Folha de Louro
  • Sal q.b
  • Pimenta q.b
  • Noz-moscada q.b
  • Salsa fresca q.b
  • 1 Ovo batido (para pincelar)

 

Preparação:

  1. Prepare o puré: descasque as batatas e retire as folhas da couve-flor, corte em quartos e coza, em água temperada com sal e pimenta, juntamente com 1 cebola. Quando estiver cozido, escorra e com um passe-vite desfaça tudo, para o mesmo tacho. Acrescente a noz-moscada (a gosto), e envolva bem até formar um puré homogéneo. Retifique os temperos e reserve.
  2. Coloque ao lume um tacho com água. Assim que a água começar a levantar fervura junte as postas do bacalhau e reduza o lume. Deixe cozer em lume brando durante cerca de 8 minutos. Retire o bacalhau e deixe arrefecer um pouco. Retire a pele e as espinhas do bacalhau e lasque-o. Reserve.
  3. Corte 2 cebolas em rodelas finas. Coloque num tacho juntamente com um pouco de azeite e leve a lume baixo até a cebola ficar ligeiramente caramelizada. Retire para uma taça e reserve.
  4. No mesmo tacho, prepare um refogado com azeite, os dentes de alho picados e 1 cebola picada. De seguida, adicione o tomate (pelado), cortado aos pedaços, o pimento vermelho (cortado aos quadradinhos), a folha de louro, o alecrim picadinho, a salsa picada, a pimenta (a gosto), e o vinho branco. Mexa bem e deixe cozinhar por 5 minutos. Junte um pouquinho de água quente, mexa e deixe ferver. Adicione o bacalhau às lascas e deixe cozinhar por uns 3 minutos, envolvendo tudo delicadamente. Se necessário rectifique o sal e a pimenta. Com o bacalhau pronto, retire a folha de louro, coloque numa assadeira, cubra com a cebola (reservada) e regue com o azeite. Termine com o puré.
  5. Pincele o topo com o ovo batido, faça uns riscos com ajuda de um garfo e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC, durante 15 a 20 minutos, até ficar dourado. Sirva de imediato.

Bom apetite!

02
Nov23

Omelete de Bacalhau com Couve e Feijão-fradinho

A omelete de bacalhau é uma das minhas omeletes favoritas e, juntamente com a couve e o feijão-fradinho, cria um prato incrivelmente saudável, com fibras ​​e proteínas (entre outros nutrientes), e, também, avuloma o sabor no prato. Uma opção... eletrizante!

Esta refeição, atesta o nosso "motor" com boa energia, fundamental, para enfrentarmos a labuta do dia.

Sigam a receita, passo a passo, e experimentem uma refeição simples que supera as adversidades, de forma natural!

IMG_2555.jpeg


Omelete de Bacalhau com Couve e Feijão-fradinho
 

  • 120 g Feijão-fradinho (cozido e escorrido)
  • 200 g Couve (Penca)
  • 3 Dentes de alho
  • Sal q.b
  • Azeite q.b
  • 3 Ovos
  • +/- 150 g de Bacalhau demolhado (desfiado)
  • 1 Cebola


Molho Verde:

  • 2 Colheres de Sopa de Salsa, picadinha 
  • 1 Cebola, pequena 
  • 1/3 Chávena de Chá de Azeite
  • 1/2 Colher de Chá de Mostarda Dijon
  • 1 Colher de Café de Vinagre de Arroz
  • Sal q.b


Preparação:

  1. Lave e corte as folhas de penca em tiras grossas. Leve a cozer numa panela com água e um pouco de sal. Quando estiverem cozidas, escorra.
  2. Entretanto, prepare o Molho Verde: Pique a cebola e a salsa para uma taça pequena. Junte uma pitadinha de sal, o vinagre e a mostarda e misture bem. Acrescente aos poucos o azeite enquanto mistura.
  3. Adicione numa frigideira um fio de azeite e os alhos picadinhos. Acrescente a penca e refogue bem, mexendo de vez em quando. Tenha atenção para não queimar. Quando já estiver ao seu gosto rectifique o tempero, se for necessário. 
  4. Caso opte pelo feijão-fradinho de lata, lave-o bem e escorra-o. Junte-o à penca e mexa. Se a mistura estiver seca, pode acrescentar mais um pouco de azeite, mas não exagere para que também não fique gordurosa. Reserve.
  5. Prepare a Omelete: Numa taça, bata os ovos, envolva o bacalhau e 1 cebola picadinha. Reserve.
  6. Numa frigideira anti-aderente, coloque um pouco de azeite e leve ao lume a aquecer. Acrescente 1/3 da mistura de ovos, deixe cozinhar em lume brando até a omelete estar ligeiramente dourada e, por fim, dobre-a. Retire para um prato e repita o processo, por mais duas vezes.
  7. Sirva a Omelete acompanhada com a mistura de Couve e Feijão-fradinho. Termine com o molho verde.

Bom apetite!

13
Set23

Barquinhos de Beringela, bem abastecidos!

Da terra e do mar!

Carregados com vitaminas e minerais estes “barquinhos”, com poucas calorias, são um "estrondo"!

Uma refeição deliciosa e leve, sem carne, que encanta! Provem!

IMG_1997.jpeg


Barquinhos de Beringela com Legumes e Atum

  • 2 Beringelas, pequenas
  • 1/2 Lata de Atum em Azeite
  • 1 Cebola, pequena
  • 4 Dentes de Alho
  • 2 Colheres de Sopa de Vinho Branco
  • 1 Cenoura (descascada e ralada grosseiramente)
  • 1 Alho-francês, grande (cortado em rodelas)
  • 1/3 Pimento Vermelho (sem sementes, cortado aos quadradinhos)
  • 6 Azeitonas pretas (cortadas aos bocados)
  • Salsa, picadinha q.b
  • 4 Fatias de Queijo Flamengo
  • Azeite q.b.
  • Sal q.b.
  • Pimenta preta q.b.
  • Oregãos secos q.b


Preparação: 

  1. Comece por lavar muito bem as beringelas. Corte ao meio e retire cuidadosamente a polpa com um boleador de fruta (se não tiver use uma colher de chá), sem chegar muito ao fundo.
  2. Descasque e pique bem a cebola e os alhos, e coloque num tacho com 2-3 colheres de sopa de azeite. Cozinhe em lume brando, até que fiquem translúcidos.
  3. Adicione a polpa das beringelas (em pedacinhos), o alho-francês, o pimento, a cenoura e mexa bem. Aumente um pouco o lume. 
  4. Refresque com vinho branco e tempere com sal e pimenta (a gosto).
  5. Reduza o lume, tape o tacho e deixe cozinhar até que os legumes estejam macios.
  6. Acrescente as azeitonas e a salsa, e misture bem.
  7. Pincele o fundo de uma travessa com azeite e coloque as metades de beringela. Recheie cada metade com atum e o preparado anterior.

    IMG_1986.jpeg

  8. Cubra cada metade com 1 fatia de queijo.
  9. Leve ao forno pré-aquecido a 180ºC, cerca de 15 minutos, para gratinar.
  10. Retire do forno, regue com um fiozinho de azeite e polvilhe com um pouco de oregãos. Sirva de imediato.

Bom apetite!

01
Jul23

Carapau Escalado com Batatinhas, dourados no forno!

(Bem acompanhados com Cenoura fresca e Molho Verde)

"Olha o carapau fresquinho!" apregoam elas, as peixeiras, e com motivo para tal. Comprei uns carapaus que exibiam uma escama cintilante e uns olhos vistosos, que me conquistaram logo à primeira vista. Ora, um tesouro destes tinha de ser bem desfrutado, vai daí, sem necessidade de grandes navegações, preparei esta refeição repleta de sabores e saudável.

Façam um peixe assado de criar cobiça, de uma forma simples, todavia, a convencer que desbravaram mares!

IMG_1337.jpeg


Carapau Escalado com Batatinhas, dourados no forno:

(Acompanhados com: Cenoura fresca e Molho Verde)

(2 Doses)

  • 2 Carapaus Escalados (com ou sem cabeça)
  • +/- 16 Batatinhas, para assar
  • 1 Cebola, para assar
  • 1 Tomate Redondo, maduro
  • 6 Dentes de Alho
  • 4 Colheres de Sopa de Vinho Branco
  • 1 Folha de Louro
  • 1 Pitada de Pimentão Doce
  • Tomilho fresco
  • Salsa fresca
  • Azeite
  • Sal
  • Pimenta preta

 

  1. Coloque no copo da varinha mágica a cebola, os alhos, o tomate cortados em pedaços e as e as ervas frescas picadas (a gosto). Triture bem com a varinha mágica.
  2. Coloque a mistura anterior num tacho com 4 colheres de sopa de azeite e cozinhe, em lume brando, por 2 minutos.
  3. Junte o vinho branco, o louro e o pimentão doce. Deixe cozinhar durante 3 minutos.
  4. Adicione as batatas descascadas cortadas em quatro e tempere com sal e pimenta. Junte 100 ml de água quente, mexa e cozinhe por 5 minutos.
  5. Depois, acondicione os carapaus e cubra-os com molho. Deixe cozinhar por cerca de 15 minutos ou até que as batatinhas estejam macias.
  6. De seguida, coloque numa travessa ou em travessas individuais e leve ao forno pré-aqueçido a 220º C, durante 10 minutos ou até que estejam dourados.
  7. Retire do forno, polvilhe com um pouco de salsa fresca, regue com um fio de azeite e sirva.

 

Preparação da Cenoura ralada e Molho Verde

  • 2 Cenouras
  • 1/2 Cebola
  • 1 Colher de Sopa de Salsa, picadinha
  • 1 Colher de Chá de Vinagre de Sidra
  • 1 1/2 Colher de Sopa de Azeite
  • Sal
  • 2 Azeitonas verdes (com caroço)
  1. Para o Molho Verde: Pique a cebola e a salsa para uma taça pequena. Junte uma pitadinha de sal e o vinagre, e misture bem. Acrescente aos poucos o azeite enquanto mistura.
  2. Descasque e rale a cenoura usando o ralo grosso do ralador. Coloque em taças individuais, regue com um pouco do molho e junte uma azeitona. Sirva o molho verde restante numa molheira.

Bom apetite!

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Direitos de Autor

Todas as fotografias publicadas são da minha autoria, incluindo a sua edição. Por favor, não utilizem as minhas fotografias sem a minha autorização. Muito obrigada.

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub