Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

7 Dias Nutridos de Sabores

Sou uma apaixonada pelo mundo da cozinha e tenho o gosto de partilhar as minhas receitas favoritas. Considero este blog como o meu encantador livro de receitas. Receitas ricas de aromas e sabores memoráveis.

7 Dias Nutridos de Sabores

06
Jun23

Bolo de Pastinaca com Nozes

Tinha pastinacas no frigorífico e queria preparar alguma coisa com elas, o puré de batata com pastinaca fica magnífico mas nada de novo, então lembrei-me de fazer um bolo. Pesquisa atrás de pesquisa, tracei a minha própria receita e lá fui eu para a cozinha "semear" desejos, lembranças e amor! O "fruto" que colhi da minha "sementeira" foi este deslumbrante bolo, carregado de sabores, húmido e com contraste de texturas!

O resultado foi incrível e o bolo acabou-se incrívelmente rápido!

IMG_1214.jpeg

 

IMG_1221.jpeg

Será uma receita para repetir em breve, aproveitando que estamos na altura da colheita desta raiz.

 

Bolo de Pastinaca com Nozes

  • 170 g de Pastinaca (descascada)
  • 130 g de Açúcar Amarelo
  • 80 g de Manteiga com Sal
  • 4 Ovos 
  • 1 Colher de Sopa (cheia) de Mel
  • Raspa de 1/2 Laranja
  • Noz-moscada (a gosto)
  • 200 g de Farinha com Fermento
  • 50 g de Nozes, picadas grosseiramente
 
Para a Cobertura:
  • 150 g de Leite Condensado Cozido
  • 1 Colher de Sopa de Sumo de Laranja
  • 1/2 Colher de Chá de Canela em Pó
  • 50 g de Nozes, picadas grosseiramente
 
 
Preparação:
  1. Pré-aqueça o forno a 180º C.
  2. Unte uma forma com manteiga e polvilhe com farinha.
  3. Rale a pastinaca e reserve.
  4. Bata o açúcar com o mel e a manteiga amolecida, durante 2 minutos.
  5. Junte os ovos, um a um, e bata durante 3-4 minutos até obter um creme leve.
  6. Adicione a raspa da laranja, a noz-moscada (ralada na hora) e a pastinaca, e envolva com uma colher.
  7. Envolva delicadamente na massa as nozes e a farinha peneirada, com uma vara de arames.
  8. Verta a massa na forma e alise a superfície com uma espátula.

    IMG_1183.jpeg

  9. Leve ao forno cerca de 25-30 minutos, até que o bolo fique cozido e ligeiramente dourado na superfície. Faça o teste do palito.
  10. Retire e deixe arrefecer na forma por 10 minutos. Depois, desenforme, coloque num prato e deixe arrefecer completamente.

    IMG_1185.jpeg

  11. Para a cobertura: misture o leite condensado cozido com a canela e o sumo da laranja. Mexa até ficar um creme bem macio e sem "grumos".
  12. Espalhe a cobertura, com uma espátula, sobre o bolo frio.
  13. Cubra com as nozes.

Bom apetite!

01
Jun23

Bhajis de Vegetais com Arroz

A Índia entrou na minha casa, de malas e bagagem, e passeia por todas as divisões! Se vocês conseguissem sentir este cheirinho... !

Os Bhajis são bolinhos da culinária indiana, que ficam crocantes e super saborosos! Desfrutem destes bolinhos com um delicioso acompanhamento, como um arroz soltinho, ou simplesmente como entrada.

Estes Bhajis não contêm glúten, por gentileza da farinha de grão-de-bico, e são muito fáceis de preparar!

Advirto! Comi estes Bhajis ao almoço e o meu cérebro não para de dançar. São imperdíveis!

IMG_1144.jpeg

 

Bhajis de Vegetais com Arroz

  • 1 Cebola grande
  • 1 Cenoura 
  • 70 cm de Pastinaca 
  • 1 Repolho pequeno 
  • 1 Pedaço de Pimento (+/- 20g), verde ou vermelho
  • 3 Quiabos
  • 1 Colher de Chá de Mistura de Segredos do Mundo Oriental (Margão)
  • 1/3 Colher de Café de Caril
  • Pimenta preta
  • Sal
  • 1 Ovo
  • 50 g de Farinha de Grão-de-bico 
  • 1/2 Colher de Chá de Fermento
  • Óleo Vegetal 
  • Arroz Agulha Vaporizado, para acompanhar

 

Preparação:

  1. Corte ou lamine a cebola em fatias fininhas.
  2. Rale a cenoura e a pastinaca.
  3. Corte o repolho em juliana. 
  4. Parta o pimento aos quadradinhos.
  5. Coloque os vegetais anteriores num tacho, em lume médio-alto, cerca de 2-3 minutos, para amolecerem um pouco. 
  6. Depois, coloque-os numa tigela e adicione os quiabos (sem sementes) e as azeitonas, cortados aos bocadinhos. 

    IMG_1139.jpeg

  7. Junte a mistura de especiarias do Mundo Oriental, o caril, o sal e a pimenta (a gosto) e misture.
  8. Acrescente um ovo, levemente batido, e misture.
  9. Incorpore a farinha de grão e o fermento.

    IMG_1141.jpeg

  10. Coloque uma frigideira com óleo a aquecer, em lume médio-alto. Quando estiver quente, disponha uma colher de sopa da mistura no óleo e repita até que a frigideira esteja quase cheia (deixe algum espaço entre os bhajis). Frite, de ambos os lados, até ficarem crocantes e dourados. Use uma espumadeira para os retirar e coloque num prato com papel absorvente. Repita o processo até que todos os bhajis estejam fritos.
  11. Disponha-os sobre o arroz e sirva.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • A frigideira deve ter óleo suficiente para cobrir cerca de metade da altura dos Bhajis.
  • Podem substituir o repolho por couve roxa. 
  • Sintam-se à vontade para "enfeitar" a mistura com ervas e especiarias adicionais que desejar, por exemplo: coentros; cominhos em pó e garam masala.
09
Mai23

Salmão sobre Esmagada de Batata, Pastinaca e Favas, com Ovo Escalfado

(envoltos num crocante de Broa)

Uma combinação de sabores da época, a pastinaca, as favas e o salmão foram as "vedetas" escolhidas para este prato de peixe.

Como podem testemunhar está aqui uma refeição bem simples de preparar, que fica com um aspecto tentador e, além de ser leve, sabe muito bem!

IMG_0957.jpeg

Salmão sobre Esmagada de Batata, Pastinaca e Favas, com Ovo Escalfado (envoltos num crocante de Broa)

  • 1 Lata de Salmão (80 g), natural 
  • 80 g de Batatas, descascadas
  • 20 g de Pastinaca, descascada
  • 40 g de Favas, descascadas
  • 3 Dentes de Alho
  • Sal
  • Pimenta preta
  • Azeite extra-virgem 
  • 1 Ovo
  • 60 g de Broa de Milho (caseira)
  • Salsa, fresca


Preparação:

  1. Coza as batatas e a pastinaca, em água temperada com sal e pimenta. Depois, escorra e esmague com um garfo. Reserve.
  2. Descasque as favas e leve-as a cozer, em água temperada com sal e pimenta, por cerca de 7-10 minutos. Depois, escorra a água e esmague, ligeiramente, com um garfo. Reserve.
  3. Num tacho coloque os dentes de alho esmagados e um pouco de azeite. Deixe em lume baixo durante um tempo para ficarem mais suaves. Não deixe queimar.
  4. Junte a mistura de batata e as favas, misture com um garfo e deixe refogar uns minutos. Reserve.
  5. Coloque a broa no processador de alimentos para a desfazer grosseiramente.
  6. Numa frigideira, junte 1 colher de sopa de azeite, a broa e salsa picada (a gosto). Envolva muito bem e deixe dourar 2-3 minutos, em lume baixo. Reserve.
  7. Coloque o ovo a escalfar: assim que a água estiver a ferver, adicione uma colher de chá de vinagre para ajudar a clara do ovo a coagular (aperfeiçoando o aspeto final); baixe o lume e coloque o ovo no centro do tacho; deixe escalfar durante 2 a 3 minutos - o ovo estará pronto assim que a clara estiver completamente definida; retire o ovo com a ajuda de uma espumadeira e coloque em cima de papel de cozinha para retirar o excesso de água. Reserve.
  8. Para empratar: comece por colocar a esmagada de batata, pastinaca e favas.

    IMG_0955.jpeg

  9. De seguida, escorra o líquido da lata de salmão e crie uma camada (aos pedaços).

    IMG_0956.jpeg

  10. Junte o ovo escalfado.
  11. Envolva as 5 delícias com o crocante de broa e finalize com um fio de azeite e mais um pouco de salsa picadinha.
  12. Sirva de imediato.


Bom apetite!

08
Mai23

Frango Assado (caseiro) com os sabores do Mediterrâneo!

Ter a possibilidade de preparar uma refeição com frango caseiro é uma bênção! Como consegui ultrapassar a difícil "missão" de arranjar um, não podia deixar "escapar" a oportunidade de preparar esta refeição cheia de cor e sabor, além de ser nutritiva.

Num só prato reúne-se, o sabor quente e intenso do frango, a leveza e frescura dos sabores mediterrâneos e texturas variadas. Tudo isto, faz com que seja uma das minhas refeições principais preferidas!

IMG_0941.jpeg

 

Frango Assado (caseiro), com Puré (de batata e pastinaca) e Vegetais (brócolos, favas e cenoura roxa)

(2 Doses)

Preparação do Puré de Batata e Pastinaca

  • 430 g de Batata, descascada
  • 145 g de Pastinaca, descascada 
  • 1 Cebola, pequena
  • 2 Dentes de Alho
  • Sal e pimenta preta, a gosto
  • 1 Colher de Café de Manteiga sem Sal

 

  1. Descasque as batatas, a pastinaca, a cebola e os alhos, e corte em quartos.
  2. Cozinhe em água com sal e pimenta, cerca de 20 minutos.
  3. Depois de cozidas (se espetar um garfo, os dentes enterram-se sem resistência), escorra e reduza tudo a puré com um Passe-Vite ou um esmagador de batatas.
  4. Leve a lume baixo e adicione a manteiga. Misture bem, retifique o tempero, e mexa até ficar com a consistência a gosto (se necessário acrescente um pouco de leite, mas tenha atenção para que não fique muito mole).

 

Preparação dos Brócolos e Favas

  • 400 g de Brócolos
  • 100 g de Favas, frescas (sem casca)
  • 3 Colheres de Sopa de Azeite
  • 4 Dentes de Alho
  • Sal, a gosto

 

  1. Separe e lave bem os brócolos. 
  2. Coza as favas e os brócolos num pouco de água, temperada com sal. Depois, escorra e reserve.
  3. Num tacho, com o azeite, aloure o alho esmagado.
  4. Envolva as favas e os brócolos.

 

Preparação do Frango Assado e Cenoura Roxa Estufada

  • 2 Coxas de Frango (caseiro)
  • 1 Cenoura Roxa grande ou 2 pequenas
  • 4 Colheres de Sopa de Azeite extra-virgem
  • 1 Cebola
  • 6 Dentes de Alho
  • 1 Tomate, maduro
  • 1 Pedaço de Tomate seco
  • 1 Colher de Chá de Paprika fumada
  • 50 ml de Vinho Tinto
  • 30 ml de Vinho Branco
  • 1 Folha de Louro
  • 1 Colher de Sobremesa de Salsa fresca, picada
  • 1 Colher de Chá de Alecrim fresco, picado
  • 1 Colher de Café de Tomilho fresco, picado
  • 1 Colher de Café de Orégãos secos
  • Sal
  • Pimenta 5 bagas

 

Preparação:

  1. Numa tigela, misture três dentes de alho (picadinhos), o vinho tinto, a paprika, o alecrim, o tomilho e os orégãos.
  2. Envolva as coxas na mistura anterior e deixe marinar durante 40 minutos.
  3. Pique a cebola e três dentes de alho, e coloque num tacho, com o azeite. Deixe refogar.
  4. Refresque com o vinho branco. Junte o tomate fresco e seco (aos bocadinhos). Deixe refogar por 10 minutos. Acrescente um pouco de água se for necessário.
  5. Adicione as coxas, o louro, a salsa, e tempere com sal e pimenta. Cubra com água quente.
  6. Coloque o lume no mínimo, para que o frango cozinhe lentamente, por cerca de 3-4 horas.
  7. Quando faltarem cerca de 40 minutos para terminar a cocção das coxas, descasque as cenouras roxas, parta ao meio e, depois, em três pedaços. Coloque num tacho, cubra com molho do frango e deixe estufar por 20 minutos. Quando estiverem prontas desligue o lume e reserve.
  8. Disponha as coxas numa travessa e junte um pouco de molho. Leve ao forno pré-aquecido a 230º C, por cerca de 15 minutos. De vez em quando regue com o molho.
  9. Retire do forno e sirva.

Bom apetite!

04
Abr23

Pescada no Forno com Puré e Brócolos

Com certeza que o puré instantâneo é simples e prático de preparar, mas não tem a textura e o sabor de um puré caseiro, confeccionado à moda antiga. E, este magnifico acompanhamento vale bem cada minutinho da nossa dedicação que, afinal, não demora assim tanto!

A pastinaca, tal como a batata, esmaga muito bem. Este puré de batata e pastinaca é perfeito como acompanhamento para peixe assado (como nesta receita), carne assada (bochechas de vaca com cerveja stout), costeletas de porco (estufadas à portuguesa) e costeletas de cordeiro (grelhadas com alho e ervas aromáticas). Ficam as dicas.

Suponho que à partida não se neguem a experimentar um puré que desconhecem! Porquê experimentar? Pois bem, tem uma textura macia, um sabor suave, ligeiramente anisado, equilibrado pela mistura de batata com pastinaca. Sem dúvida um puré de elevada qualidade (na minha opinião, claro).

FC65BEA0-B75E-44F1-AD64-AB246BD2779B.jpeg

 

Pescada no Forno com Puré e Brócolos

(2 Doses)

Preparação do Puré de Batata e Pastinaca

  • 650 g de Batata (para cozer)
  • 180 g de Pastinaca
  • 1 Cebola pequena
  • 1 Colher de Sopa de Manteiga sem Sal
  • Sal e pimenta, a gosto
  • Noz-moscada, a gosto

 

  1. Descasque as batatas, a pastinaca e a cebola e corte em quartos.
  2. Cozinhe em água com sal e pimenta, cerca de 20 minutos.
  3. Depois de cozidas (se espetar um garfo, os dentes enterram-se sem resistência), escorra e reduza a puré com um Passe-Vite ou um esmagador de batatas.
  4. Leve a lume baixo e adicione, a manteiga e a noz-moscada. Misture bem, retifique o tempero, e mexa até ficar com a consistência a gosto (se necessário acrescente um pouco de leite, mas tenha atenção para que não fique muito mole).

 

Preparação dos Brócolos

  • 500 g de Brócolos
  • 2 Colheres de Sopa de Azeite
  • 2 Dentes de Alho
  • Sal, a gosto

 

  1. Separe e lave bem os brócolos. 
  2. Coza-os num pouco de água, temperada com sal. Depois, escorra e reserve.
  3. Num tacho, com o azeite, aloure o alho esmagado.
  4. Envolva os brócolos.

 

Preparação da Pescada 

  • 2 Colheres de Sopa de Azeite
  • 1 Cebola
  • 2 Dentes de Alho
  • 1 Tomate maduro
  • 1 Colher de Chá de Paprika fumada
  • 1 Folha de Louro
  • Tomilho, a gosto
  • Alecrim, a gosto
  • 1/2 Chávena de Vinho Branco
  • 2 Postas de Pescada do Chile
  • Salsa fresca picadinha, a gosto
  • Sal e pimenta, a gosto
  • 1 Raminho de Salsa (decoração)

 

  1. Num tacho, com azeite, aloure a cebola e o alho picadinhos.
  2. Junte o tomate aos bocadinhos, a paprika, e regue com o vinho branco.
  3. Acrescente a folha de louro, um pouco de tomilho e alecrim picadinhos.
  4. Deixe cozinhar durante 5 minutos.
  5. Adicione o peixe, a salsa picada, tempere com sal e pimenta, e junte um pouco de água.
  6. Tape e deixe cozinhar por 10 minutos. 
  7. Pré-aqueça o forno a 220ºC.
  8. Coloque as postas de peixe numa travessa, juntamente com o molho.
  9. Leve ao forno por 15 minutos, ou até que o peixe esteja douradinho.
  10. Guarneça com um raminho de salsa e sirva.


Bom apetite!

 

Dicas:

  • Pode usar o robô de cozinha, para fazer o puré, mas assegure-se que fica com alguns pedacinhos.
  • Pode utilizar qualquer tipo de peixe nesta receita, no entanto deve ter em atenção o tempo de cozedura de cada um, para evitar uma refeição seca.
  • Utilize ervas aromáticas conforme o seu gosto, para além do louro, do tomilho e do alecrim. Os coentros e o manjericão ficam muito bem com peixe.
07
Mar23

Bilharacos de Abóbora e Cherovia

A cherovia (Pastinaca sativa), também conhecida por chirivia, cherívia, pastinaca ou pastinaga, é uma raiz da família das cenouras, mas tem um sabor mais adocicado e ligeiramente parecido com o da noz. Pode ser consumida ​​da mesma forma que a cenoura, desde fresca, em sopas, doces (como é o caso) e, até, estufados. A cherovia, é uma excelente opção para reduzir/eliminar o açúcar na confecção de diversos pratos.

Bilharacos de Abóbora e Cherovia!? Provavelmente nunca provaram, mas posso-vos dizer que são deliciosos, o sabor é único (o gosto anisado da cherovia funde-se com o da abóbora, e da canela) e mantêm a textura macia do tradicional. Muito, muito bons! Espero que experimentem, mesmo que sejam invulgares.

33BC86F8-7842-49FF-A9A1-9F459B5DA378.jpeg

Terminar o dia, de preferência no sofá, debaixo de uma manta, a petiscar estes bilharacos os dias invernosos ficam mais leves e coloridos!🌈

B94AC4FF-9AE0-4611-B8CA-2EEEEEF0AF86.jpeg

 

Bilharacos de Abóbora e Cherovia

9C0A137F-F45D-47F8-9A08-7C4491AB12AF.jpeg

  • 1.350 Kg de Abóbora Menina ou Manteiga (descascada e sem pevides)
  • 70 g de Cherovia (descascada)
  • Sal q.b
  • 1 Gema de Ovo
  • 80 g de Açúcar Amarelo
  • 40 g de Farinha de Trigo sem fermento (aproximadamente)
  • 80 g de Frutos secos (nozes, avelãs, amêndoas, pinhões) 
  • Óleo, para fritar 
  • Para polvilhar: 3 c. sopa de açúcar; 3 c. de sopa de canela em pó

 

Preparação:

  1. Na véspera, descasque e corte a abóbora (em pedaços) e a cherovia (aos cubinhos pequeninos), coloque numa panela e coza em água com uma pitada de sal. De seguida, vire para dentro de um saco de pano e deixe escorrer, pendurado, para que enxugue, de preferência, de um dia para o outro.
  2. No dia seguinte, depois de escorrer (pode apertar bem o pano para perder quase toda a água), coloque a polpa de abóbora e cherovia numa tigela. (Fiquei com 670g de polpa, escorrida).
  3. Adicione a gema de ovo e o açúcar. Misture muito bem com as mãos, até ficar uma massa homogénea.
  4. Adicione a farinha e misture. Se preferir uma massa mais consistente, adicione um pouco mais de farinha. A massa não deve ficar nem demasiado mole (de forma a que possa ser frita às colheradas), nem muito rija.
  5. Acrescente os frutos secos e envolva bem.

    1DA5192A-339E-4A37-B2E7-36259E18C9E5.jpeg

  6. Com a ajuda de 2 colheres de sopa, forme os bolinhos (em quenelle) e frite em óleo quente, até ficarem bem douradinhos de ambos os lados.
  7. Coloque os bolinhos a escorrer em papel de cozinha, para retirar o excesso de óleo.
  8. Misture o açúcar com a canela e passe os bolinhos.

Bom apetite!

22
Fev23

Sopa de Miso com Shiitake e um jardim de Vegetais

Ontem foi dia de Brunch e estava-me a apetecer uma refeição leve e simples, para equilibrar as coisas, depois de um festim no fim-de-semana. Então lembrei-me, que me podia refastelar com uma tigela de Sopa de Miso com Cogumelos Shiitake e Vegetais. Em apenas 10 minutos, consegui ter uma sopa saudável, deliciosa e natural! 

Asseguro que, nesta Sopa vegan/vegetariana, cada colherada está carregada de sabor umami! 

524BAD87-1226-40E1-965C-3FE6B24C6592.jpeg

 

Sopa de Miso com Cogumelos Shiitake e Vegetais

(Para 4 pessoas)

  • 1L de Água
  • 8 Cogumelos Shiitake frescos
  • 1 Cenoura, pequena
  • 1 Batata-doce, pequena
  • 1 Pastinaca, pequena
  • 1 Alho francês
  • 2 Colheres de Sopa de Miso Branco de Arroz Integral


Preparação:

  1. Coloque a água a ferver, numa panela.
  2. Adicione a cenoura e a pastinaca (cortados em cubinhos ou "flores"), e cozinhe durante 2 minutos.
  3. Junte a batata-doce (cortada em cubinhos ou "flores"), o alho francês (cortado em rodelas finas) e os cogumelos (inteiros).
  4. Cozinhe até ficarem macios, cerca de 8 minutos. O tempo de cozedura, depende do tamanho dos legumes e dos cogumelos.
  5. Desligue o lume e misture o miso.
  6. Coloque numa tigela e sirva a sopa.

Bom apetite!

 

Dicas:

  • Em vez da cenoura, pode utilizar: abóbora manteiga/ hokkaido ou japonesa.

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Direitos de Autor

Todas as fotografias publicadas são da minha autoria, incluindo a sua edição. Por favor, não utilizem as minhas fotografias sem a minha autorização. Muito obrigada.

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub